Insenchato Coração está em sua ultima semana, e eu terei que arrumar outra novela para descer a lenha. Vai ser dificil, pois não assisto a nenhuma outra, a não ser uma vez ou outra. E as que eu “passo os olhos” são tão ruinzinhas que falar mal seria redundância.

Depois que acabou a reprise de Vale Tudo no Canal Viva fiquei “órfã de novelas” novamente. Pior, ao rever uma novela que eu gostei tanto eu percebi que as outras são ruins mesmo!

Gilberto Braga, de quem eu sempre fui fã, realmente perdeu a mão nessa última. A partir da próxima semana não precisarei mais tirar o som  da televisão toda vez que começa a música de abertura. Ô musiquinha chata!!! Nada a ver com a temática da trama, nada a ver com nada. A escultura que aparece rodando durante toda a abertura também não tem nada a ver com nada.

Fico pensando em quanto pagaram (e para quem) o artista plástico e a filha da Elis Regina para o Dona Grobo colocar suas “obras” em horário nobre durante meses.

Que saudades da Gal Costa cantando Cazuza na abertura de Vale Tudo! Que saudades das imagens do Brasil e dos brasileiros comuns se sucedendo em ritmo frenético! Hoje com a tecnologia muito mais avançada não conseguiram chegar nem aos pés!

Glória Pires começou apagadinha com sua Norma. Depois a Norma foi tomando forma, se transformando na mulher forte que superou as rasteiras da vida e planejou a vingança contra o Leo. Um Conde de Monte Cristo versão feminina. E no final se tornou uma mulézinha idiota que acredita no pilantra que a fez pastar na cadeia e destruiu sua vida porque “amor de pica quando bate fica”!

É bem verdade que quando estamos apaixonados ficamos meio abestados. Mas aí já é demais! Fazer a Norma se transformar em donzela casadoira é dose!

O casal protagonista parece um picolé de chuchú. Sem graça nenhuma. Depois de passar a novela toda brincando de gato e rato, finalmente se casaram e viveram monótonos para sempre.

O casal formado pela Camila Pitanga e o Lázaro Ramos tem mais tempero. Aliás, se eu fosse a Carol dava uma surra na zoiúda que marca em cima do André feito  mosca de padaria. Uma surra a la Gilberto Braga, pois as surras das novelas dele são memoráveis! É bem verdade que quem prometeu fidelidade foi ele. Mas não dá pra ficar blasé com uma ex-peguete do seu homem que não larga do pé dele!

Estou esperando para ver qual será o castigo da Eunice, a perua fresca, metida e insuportável. Talvez o melhor castigo seria o marido sair logo do armário, aproveitando a moda gay is beautiful que pontuou a novela. Porque aquele nunca me convenceu como pai de família!

Agora é esperar para conferir e voltar pra descer a lenha.

Me aguardem!