Fiquei triste… A Modern Sound existia desde 1966. Desde sempre. Resistiu bravamente ao fechamento de lojas do mesmo gênero, que hoje viraram supermercados, farmácias e igrejas evangélicas.

A Modern Sound era uma loja de som. Primeiro eram LPs, depois CDs. Tinha de um tudo. Para todos os gostos. Se a gente não achava determinado album em lugar nenhum, era só procurar na Modern Sound.

Se nem lá encontrasse, só com promessa para São Longuinho.

A fachada era uma referência. “Onde fica?” perguntava-se “Do lado da galeria da Modern Sound” ou “Em frente à Modern Sound”. Era o que bastava.

Outro dia passei lá em frente, olhei a fachada e ainda pensei cá com meus botões: “Nossa, a Modern Sound ainda existe!”

Há muitos anos eu não entrava lá, mas saber que a loja existia era reconfortante.

Deixo aqui minha homenagem.

O que será que vai abrir no lugar?

Será outra igreja evangélica? (praga que assola a cidade de norte a sul, de leste a oeste)

Será outra farmácia? (outra praga que se prolifera como uma epidemia)

Ou será mais um supermercado Zona Sul? A zona sul do Rio se transformou em uma ilha cercada de supermercados Zona Sul por todos os lados.

Vou esperar para ver…